Ditador da Venezuela, Maduro desembarga em Brasília para reunião com Lula

O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, desembarcou em Brasília (DF) na noite deste domingo (28) para uma série de compromissos. Ele não vinha ao país desde 2015, quando participou da cerimônia de posse da então presidente Dilma Rousseff (PT).

Maduro chegou ao Brasil acompanhado de sua esposa, Cilia Flores, e foi recebido no aeroporto da capital federal pela embaixadora Gisela Pavodan, secretária da América Latina e do Caribe no Ministério das Relações Exteriores (MRE).

A entrada do tirano socialista em solo brasileiro estava proibida desde agosto de 2019, quando o então presidente Jair Bolsonaro (PL) assinou uma portaria que vetava permissão de missão diplomática a integrantes do regime bolivariano.

No Brasil, Maduro terá uma série de encontros com autoridades de esquerda, incluindo o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Na terça (30), ele participará de um fórum com líderes de países da América Latina para discutir um “mecanismo de integração” que ainda não foi detalhado.

Foto: Ricardo Stuckert/PR

Conexão Política

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de anúncios detectado

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo. Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.