Tendência

Casas Populares em Apodi está em processo de licitação

Apodi foi contemplada com 20 casas populares que visa uma diminuição do déficit habitacional do município, além também de toda estrutura de pavimentação, água e energia.

A Prefeitura de Apodi, via Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social recebeu, nesta semana, visita de técnicas da Companhia Estadual de Habitação e Desenvolvimento Urbano (Cehab-RN) para uma reunião sobre o projeto de casas populares do Pro-moradia.

Apodi foi contemplada com 20 casas populares que visa uma diminuição do déficit habitacional do município, além também de toda estrutura de pavimentação, água e energia.

“Na ocasião formos informados que o município de Apodi está em processo de licitação para que as casas comecem a serem construídas. No que compete a responsabilidade do município e quanto a documentação necessária, fomos informados de que está tudo em ordem. Agora é só esperar o início da obra”, comentou Itamara Sena, secretária de Desenvolvimento e Assistência Social.

As obras serão viabilizadas com recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Fecop) e do governo Federal, sendo R$ 11 milhões provenientes do Fecop e R$ 44 milhões assegurados pelo FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) via Ministério do Desenvolvimento Regional e parceria com a Caixa Econômica Federal.

Cada unidade habitacional do Pró-Moradia/Viver Melhor está avaliada em R$ 57 mil, e terá 40,92 metros quadrados divididos por dois quartos, banheiro, área de serviço, sala e cozinha. Estão previstas construções em todas as regiões do RN, em cidades como Apodi, Doutor Severiano, Encanto, Caraúbas, Patu, Triunfo Potiguar, Upanema, Parelhas, Cruzeta, Santana do Matos, Pendências, São Bento do Norte, Jandaíra, Maxaranguape, Riachuelo, Bom Jesus, Serrinha, Monte das Gameleiras, Montanhas, Baía Formosa, Várzea, Lagoa de Pedras, Extremoz, Arês, Monte Alegre e Natal, entre outros municípios.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de anúncios detectado

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo. Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.